Nome Comum

Piraíba, Filhote, Piratinga, Piranambu

Nome científico

Brachyplathystoma filamentosum.

Família

Pimelodidae, de peixes siluriformes desprovidos de escamas.

Características

Peixe de grande porte, seguramente o maior dos silurídeos brasileiros. O corpo é acinzentado escuro acima da linha lateral e mais claro abaixo desta. A cabeça e a boca são muito grandes, com maxilar superior proeminente e barbilhões sensoriais. Pode ultrapassar 2 m de comprimento e pesar mais de 150 Kg. Quando menores que 50/60 Kg, são chamados filhotes.

Distribuição/ocorrência

Bacias Amazônica e Araguaia-Tocantins, onde vivem nos locais profundos dos rios, confluência destes ou em saídas de corredeiras.

Equipamento

Ultrapesado, linhas 150 a 200Lb, anzóis acima de 12/0.

Iscas

Peixes inteiros, principalmente Matrinxãs, Piaus e Piranhas.

OUTRAS ESPÉCIES ENCONTRADAS NO RIO PARANÁ
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Abotoado

Aruanã

Apaiari

Apapá

Barbado

Bicuda

Black Bass
Cachara Cachorra Facão

Caparari

Corvina

Curimbatá

Dourada

Dourado

Jacundá

Jatuarana

Jaú

Jurupensém

Jurupoca

Lambari

Mandi

Mandubé

Matrinxã

Pacu-Caranha

Pacu-Comum

Piraíba