Nome Comum

Mandi, Bagre

Nome científico

Pimelodus spp.

Família

Characidade, peixes com o corpo lateralmente deprimido e maxilar inferior proeminente.

Características

Corpo alto no início da nadadeira dorsal, afunilando em direção à cabeça e à nadadeira caudal é de coloração variada conforme a espécie. Acúleos fortes e agudos nas nadadeiras dorsal e peitoral são comuns a todas elas. O Pimelodus maculatus é de coloração parda alvacenta clareando em direção ao ventre branco. Apresenta várias fileiras de manchas escuras irregulares ao longo do corpo e pintas também escuras nas nadadeiras pode atingir 50 Cm de comprimento.
Nas Bacias Amazônica e Araguaia-Tocantins, vive o P. blochii, de formato semelhante mais de coloração amarelada e sem pintas ou manchas e de tamanho menor atingindo no máximo 30Cm.

Distribuição/ocorrência

Bacias Amazônica, Araguaia-Tocantins( P.blochii), Prata (P. maculatus, P. ornatus) e São Francisco, onde se alimentam de pequenos peixes, invertebrados, frutos e sementes.

Equipamento

Varas leves ou médias, linhas 10 a 14Lb e anzóis até 2/0.

Iscas

Pedaços de queijo, peixe ou minhocas.

OUTRAS ESPÉCIES ENCONTRADAS NO RIO PARANÁ
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Abotoado

Aruanã

Apaiari

Apapá

Barbado

Bicuda

Black Bass
Cachara Cachorra Facão

Caparari

Corvina

Curimbatá

Dourada

Dourado

Jacundá

Jatuarana

Jaú

Jurupensém

Jurupoca

Lambari

Mandi

Mandubé

Matrinxã

Pacu-Caranha

Pacu-Comum

Piraíba